Ferramentas de acessibilidade

A Vigilância Ambiental em Saúde de São Pedro do Sul, através dos agentes de Endemias, divulgou o resultado do 3º Levantamento de Índice Rápido para o Aedes aegypti (LIRAa) de 2022 realizado na segunda quinzena de julho, o qual apontou um índice de 2,8%.
O LIRAa é uma pesquisa realizada a cada trimestre e o resultado mostra o índice do mosquito no momento. Com índice de 2,8% , o município está com risco médio de ter uma epidemia de uma das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. Embora tenha reduzido em relação ao último LIRAa (de 6,8% para 2,8%) o índice ainda é considerado alto para a época do ano, pois geralmente nesse período são registrados os menores resultados devido ao clima frio.
A Vigilância Ambiental alerta e solicita o apoio da comunidade de São Pedro do Sul para que mantenham os pátios limpos, eliminando todos os objetos que acumulam água e podem servir de criadouros para o mosquito. “É necessário diminuir esse índice e evitar uma epidemia de doenças e possíveis óbitos na cidade. Lembrando que somente o mosquito adulto morre com baixas temperaturas, as larvas sobrevivem ao frio e os ovos do mosquito resistem nos recipientes por até um ano, mesmo sem água”, destaca o agente de Endemias, Rodrigo Ebling.
 
MEDIDAS DE PREVENÇÃO E CONTROLE DO MOSQUITO AEDES AEGYPTI
 
-Caixa d`água elevada para o consumo: manter com tampa adequada;
 
-Caixas, tanques, tonéis e baldes para armazenamento de água da chuva:
 
- Sem cano de captação - cobrir o bocal com tela mosquiteiro incluindo o desponte ou ladrão;
- Com cano de captação: cobrir com tela mosquiteiro o bocal do cano de entrada da água oriundo da calha e o cano de desponte ou ladrão. Em ambos os casos instalar torneira para retirar a água. Lavar e escovar periodicamente;
 
- Bebedouros de animais: trocar água diariamente. Lavar e escovar no mínimo uma vez por semana;
 
- Pneus - Guardar em local fechado ou levar para descarte no ECOPONTO localizado no Parque de Máquinas da Prefeitura;
 
- Bromélias: evitar o cultivo de bromélias. Se tiver, plantar em vasos, e uma vez por semana virar a água ou preencher os sulcos das bromélias com serragem de madeira;
 
- Plantas aquáticas: trocar a água seguidamente, lavar e escovar os vasos por dentro no mínimo uma vez por semana.
 
- Calhas: limpar as calhas periodicamente;
 
- Garrafas - Virar com a boca para baixo. Guardar em local coberto ou levar para descarte no ECOPONTO localizado no Parque de Máquinas da Prefeitura;
 
- Vasos de plantas: fazer furos nos vasos;
 
- Pratinhos de vasos de plantas: evitar os pratinhos na área externa. Se tiver, lavar os pratinhos uma vez por semana, fazer furos ou preencher com areia;
 
- Piscinas: manter com a quantidade de cloro apropriado. Desmontar e guardar piscinas móveis no inverno;
 
- Lonas - Manter sempre esticadas;
 
- Ralos de captação de águas da chuva: colocar tela mosquiteiro em baixo da tampa do ralo ou colocar cloro;
 
-Bandeija externa de gelo de geladeira: retirar a água semanalmente;
 
- Brinquedos de criança: guardar em local fechado;
 
- Garrafas pets para delimitar canteiros: retirar os pets ou substituir os furados;
 
- Vasos sanitários jogados no pátio: guardar em local fechado ou quebrar o vaso;
 
- Objetos sem uso no pátio: latas, garrafas pets, potes, sacos plásticos, baldes, bacias, vidros, lonas, piscinas velhas, entre outros: fazer o recolhimento no mínimo uma vez por semana e descartar na coleta seletiva ou do lixo;
 
- Eletrodomésticos: levar para descarte na Associação Comercial e Industrial (ACI) de São Pedro do Sul).
 
dengue        dengue 2
 
 
* Por Andressa Scherer / Assessoria de Comunicação
Fotos: Arquivo Vigilância Ambiental em Saúde

O Ministério da Cidadania antecipou o calendário de pagamentos do Programa Auxílio Brasil (Bolsa Família) para agosto de 2022. Os repasses contemplam o valor mínimo de R$ 600 estabelecido pela Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 1/22, aprovada pelo Congresso Nacional em 13 de julho de 2022. A oficialização veio pela Instrução Normativa nº 18, publicada no Diário Oficial da União, no dia 25 de julho.

Em agosto, o cronograma de repasses do programa de transferência de renda do Ministério da Cidadania terá início no dia 9, para beneficiários com o Número de Identificação Social (NIS) com final 1. Os pagamentos seguem até o dia 22, para o último grupo do mês, com final de NIS zero. O mesmo calendário vale para o Auxílio Gás, que em agosto terá o valor total de um botijão de 13kg. Originalmente, o período seria de 18 a 31 de agosto.
A antecipação do calendário de pagamento em agosto leva em conta o Estado de Emergência estabelecido pela Proposta de Emenda Constitucional aprovada pelo Congresso Nacional.

Com a aprovação da PEC, o benefício mínimo será de R$ 600 até dezembro de 2022. Além do benefício principal, há rendas complementares possíveis, de acordo com os perfis das famílias, como a Bolsa Esporte Escolar, a Bolsa de Iniciação Científica e a Inclusão Produtiva Rural.

No município de São Pedro do Sul, 1334 famílias receberão o benefício do Programa Auxílio Brasil, no mês de agosto de 2022. Com o pagamento dos benefícios, o valor transferido diretamente às famílias neste mês será, em torno, de R$ 800.400,00 (Oitocentos mil e quatrocentos reais).

Confira o novo calendário:

CALENDÁRIO AUXÍLIO BRASIL

A equipe do Departamento de Meio Ambiente da Secretaria de Agricultura, Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, participou de uma capacitação para uso e implantação do Sysnova Ambiental, software de gestão de processos administrativos ambientais. Participaram da capacitação o licenciador ambiental, Bruno Felippe, a fiscal ambiental, Charlene Stefanel e o geólogo, Victor Bicalho. Esse sistema possibilitará ao Departamento realizar toda a gestão e controle dos processos de licenciamento ambiental, bem como emissão dos respectivos documentos relacionados, tais como licenças ambientais, alvarás florestais, certidão negativa de débitos ambientais, entre outros, todos com protocolo próprio.

O sistema possibilitará ainda maior agilidade no atendimento a empreendimentos ou atividades passíveis de serem licenciadas ambientalmente pelo município. Os requerentes poderão acompanhar a situação do processo em análise, imprimir documentos, realizar cadastros, pré-cadastros entre outros. Os consultores e empresas de consultoria, portanto, poderão também realizar parte do cadastro através do software, o que agilizará a tramitação dos processos após darem entrada de documentos junto ao licenciamento ambiental.

Os processos novos já estão sendo diretamente cadastrados e protocolados no sistema. O acesso pode ser feito através do site oficial da Prefeitura, no link: http://ecoplan.sysnova.com.br/7.3/HomeVisitante.aspx?pmid=442&SS=637927096606107518

Estão disponíveis todas as informações pertinentes ao licenciamento e demais atividades ambientais, inclusive formulários e termos de referências.

sistema de gestão ambiental

 

Search